Quem pensou que os grandes eventos do e-commerce tinham passado…se enganou! Ainda sobrou mais uma chance para você fazer suas vendas crescerem e desovar o estoque das últimas datas: o Boxing Day, que será no dia 26/12.

Como a Black Friday, esse evento nasceu lá fora, ainda que sua origem não seja muito clara: o nome pode vir tanto das caixinhas de Natal dadas após a data como aos presentes que boa parte dos funcionários que trabalharam na noite de Natal ganharam no dia posterior.

O importante é que ele virou uma data bem significativa lá fora, atraindo mais vendas e realizando descontos, usado para compensar prejuízos, aplicar estratégias ou desovar estoques não vendidos nas datas anteriores.

Aproveitando que em boa parte desses lugares essa data também é feriado bancário ou religioso, ela se tornou muito popular, servindo como uma última chance para comprar presentes de última hora por preços bem mais em conta.

Na verdade, o Boxing Day está para o Natal como a Black Friday está para o dia de Ação de Graças e tem tentado ser tão lucrativo quanto, principalmente pelo mobile, que tem representado metade do tráfego no e-commerce no período nos últimos anos.

Outro ponto em que o conforto do e-commerce prevalece nessa data são os pontos mais atrativos para os clientes do Boxing Day: eles citaram frete grátis e evitar as multidões das lojas na época, além claro dos descontos da data.

Aproveite o Boxing Day É importante saber que nela devem valer as mesmas regras da Black  Friday: ficar atento a satisfação do consumidor, principalmente  por essa data representar o começo das devoluções e trocas de  presentes. Também, é preciso cuidado com promoções e condições de  pagamento.

No Brasil, a data já teve alguns resultados bem animadores: em 2012,  a  junção de vários marketplaces na temática do Boxing Day teve uma  expectativa de R$75 milhões, cerca de 50% a mais faturado na mesma época do ano anterior. (Profissional de E-Commerce)

E o resultado foi incrível: o faturamento foi de R$81 milhões, com mais de 200.000 pedidos! Os setores mais vendidos foram de eletrodomésticos, beleza e medicamentos, moda e acessórios, informática e eletrônicos (E-Bit).

E você? Vai entrar na última data do e-commerce de 2016?

VENHA PARA A SOFTVAR!

Written by Renato Binotto